COMO ESCOLHER O NOME IDEAL PARA SUA MARCA

 

O nome da sua marca possui papel fundamental para o seu posicionamento no mercado, ele é responsável por identificar e diferenciar o seu negócio dos demais existentes. Ter um nome estratégico é essencial para criar um vínculo forte com o seu público e transmitir os valores que compõem sua marca.

Seguem abaixo dicas práticas para te auxiliar nessa tarefa de definição do nome ideal para a sua marca.

 

1. IDEALIZE A IMAGEM QUE A SUA MARCA DEVE TRANSMITIR

Antes de pensar em possibilidades de nomes que você pode escolher para o seu negócio, é importante que você idealize e defina a imagem que sua marca deve transmitir. Leve em consideração o propósito do seu empreendimento, seu diferencial, seus valores, quais os produtos e serviços que serão oferecidos e qual o público-alvo que você deseja atingir, entre outros aspectos que podem influenciar na sua escolha.

 

2. REALIZE UM BRAINSTORMING

Liste diversas opções de nomes, inicialmente sem filtrar suas as ideias. Seja criativo!

”Criatividade é a inteligência se divertindo.” Albert Einstein

Busque por palavras-chave do seu segmento ou que expressem algum significado especial para o seu negócio. Considere a possibilidade de poder utilizar o seu nome próprio de acordo com o seu ramo ou profissão.

Além de alternativas para o nome da marca, pense também em opções para uma tagline, que é um complemento ao nome, um termo curto que evidencia e explica o seu segmento de sua atuação.

 

3. SELECIONE AS MELHORES OPÇÕES

Para facilitar a seleção das melhores opções geradas a partir do brainstorming realizado, analise alguns fatores, tais como:

  • O nome é simples de pronunciar e escrever?
  • É fácil de se lembrar?  Dê preferência por nomes curtos, para que sejam mais memoráveis.
  • O nome reflete a essência do seu negócio? Demonstra o propósito da marca?
  • Não é um nome restritivo que te impeça futuramente de diversificar os produtos e serviços?

 

4. VERIFIQUE A DISPONIBILIDADE

Dentre as melhores opções selecionadas, verifique quais estão disponíveis para uso. Pesquise se outras empresas já usam o mesmo nome, faça uma busca no INPI para verificar a disponibilidade de registro e confira se o domínio também se encontra disponível para que você adquira.

Diante das opções que estiverem disponíveis para uso, selecione o nome que você prefere e considera ser mais especial para utilizar no seu empreendimento.

Caso você ainda possua dificuldades para escolher o melhor nome para sua marca, busque o auxílio de um profissional para te orientar nesse processo.

3 ITENS QUE DEVEM CONTER NA DESCRIÇÃO DA SUA MARCA

Para que as pessoas identifiquem rapidamente a essência do seu negócio e compreendam qual o verdadeiro propósito do seu empreendimento, ter uma descrição da sua marca que seja bem elaborada, é fundamental. Para isso, ao desenvolver a descrição da sua marca, você deve ter o foco de que sua mensagem deve ser clara e objetiva. Abaixo seguem listados 3 itens que não devem faltar na sua descrição.

1. O QUE VOCÊ FAZ

O primeiro item que é imprescindível para se ter uma boa descrição, consiste em apresentar de forma simplificada o que você faz, englobando quais são os seus serviços e produtos oferecidos ou o seu segmento de atuação. Nesse item, é importante que você faça o uso de palavras-chave que são geralmente utilizadas com mais frequência, em buscas efetuadas pelo seu público-alvo.

 

2. PARA QUEM VOCÊ FAZ

Outro item que deve conter na descrição da sua marca, é especificar exatamente para quem você trabalha, ou seja, quem é o seu público-alvo ideal, quais são os perfis de clientes que se encaixam especificamente para contratar seus serviços ou comprar seus produtos. Ter um nicho de atuação bem definido é crucial, quanto mais segmentado for o seu público, melhor será o engajamento por parte da sua audiência.  

3. QUAL O SEU DIFERENCIAL

Diante de tantos negócios semelhantes que existem atualmente no mercado, expor o seu diferencial é o ponto chave para destacar a sua marca das demais concorrentes. Descreva qual é a sua especialidade, o que faz com que a sua marca seja autêntica e se posicione de forma especial no seu segmento. 


4 PASSOS PARA TER UMA MARCA CONSISTENTE

 

 

Ter uma marca consistente é essencial quando levamos em consideração que, cada elemento da sua marca ajuda seu público a identificar seu negócio. As pessoas reconhecem quando uma empresa possuí propósito e intenção em todas as partes que compõem seu empreendimento. Quando as pessoas percebem que sua marca é consistente, eles asimilam que seus produtos e serviços também serão consistentes com o que você apresenta, gerando dessa forma mais confiança e credibilidade para negociar com você. Para se atingir esse objetivo, estão listados abaixo quatro passos que considero fundamentais para ter uma marca consistente.

1. CONHEÇA SUA AUDIÊNCIA

Ao conhecer melhor sua audiência, você será capaz de se conectar melhor com seu público-alvo, uma vez que a imagem da sua marca atrairá as pessoas certas para seu negócio, de acordo com suas respectivas personalidades e preferências.


2. SE COMUNIQUE DE FORMA AUTÊNTICA

Sua marca deve representar sua personalidade através da sua comunicação. Se expressar de forma verdadeira e se apresentar de forma mais pessoal, fará com que a sua audiência se identifique melhor com seu empreendimento.   As pessoas tendem a se conectar mais facilmente com outras pessoas que possuam personalidades similares, e ao se identificarem com sua marca, elas se manterão mais engajadas.

 

3. AVALIE SUA MARCA

Tenha certeza que sua marca está transmitindo os valores reais do seu negócio e está direcionada corretamente para atingir seu público-alvo. Verifique se há necessidades de mudanças. É extremamente importante que haja sintonia entre a imagem da sua marca, seus produtos e serviços ofertados, seus clientes ideais a serem atingidos e a forma como sua marca se posiciona e se diferencia no mercado.


4. APLIQUE sua marca EM LOCAIS DIVERSIFICADOS

Para ser consistente, sua marca deve ser aplicada em locais diversificados. Sua identidade visual, imagens, fontes, cores e demais elementos que compõem sua marca, devem estabelecer um padrão que permita que sua audiência reconheça sua marca de forma fácil e memorável.

Sua marca deve estar presente no maior número possível de locais como em suas mídias sociais, papelarias institucionais, uniformes, embalagens dos produtos, entre outros elementos que possuem interação com seus clientes. Desse modo, além de transmitir uma imagem de maior profissionalismo e confiabilidade, essa aplicação repetitiva da marca em locais diversificados, criará uma associação mais pertinente por parte do seu cliente em relação aos seus produtos e serviços oferecidos.


				

PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO SIMPLIFICADO COM CANVAS

 

Realizar um planejamento estratégico de um empreendimento pode ser um desafio complexo, mas esse processo pode ser simplificado através da utilização de ferramentas específicas, como o Business Model Canvas, que permite desenvolver e esboçar os aspectos da criação e gestão de um modelo de negócio de forma prática.


O QUE É O BUSINESS MODEL CANVAS?

Ele consiste em um mapa visual composto por nove blocos, que formam a conceitualização do negócio, permitindo uma análise e interpretação do seu modelo de atuação no mercado.

 

 

Ao examinar cada um de seus componentes, para realizar o planejamento estratégico, você deve preencher os blocos de acordo com as questões refentes levantadas para cada aspecto do modelo de negócio em questão.

 

1. PROPOSTA DE VALOR

Nesse bloco, descreva os produtos e serviços que você pretende oferecer, verifique quais são os problemas ou necessidades existentes em um determinado segmento, que seus produtos ou serviços irão suprir agregando valor. Existem produtos similares no mercado? Quais são os diferenciais que o seu produto possui em relação aos demais concorrentes?

 

2. SEGMENTO DE CLIENTES

Nesse bloco, especifique quais são os segmentos de clientes que serão o foco da sua empresa. Quais são os perfis de nossos clientes? Determine características mais específicas como gênero, idade, renda, posição geográfica, interesses pessoais, entre outros.

 

3. CANAIS

Os canais se referem aos pontos de interação que desenvolvem um papel fundamental na experiência de compra do cliente. Como os produtos e serviços atingem os clientes desde a divulgação até a finalização da compra e pós-venda, quais são as formas de comunicação entre a empresa e seus consumidores.

 

4. RELACIONAMENTO COM CLIENTES

Nesse bloco deve ser apresentado como a empresa se relacionará com cada segmento de clientes, quais serão os tipos de relacionamentos e como esses relacionamentos podem ser mantidos, é importante analisar quais são as principais demandas dos consumidores por parte do relacionamento.

 

5. ATIVIDADE-CHAVE

Esse bloco se refere à quais atividades são consideradas essenciais para que seja possível entregar a proposta de valor do negócio, quais as atividades mais importantes que devem ser executadas para manter seu negócio ou produto em execução, assim como garantir a proveniência renda.

6. RECURSOS PRINCIPAIS

O bloco de construção Recursos-chave descreve os ativos mais importantes necessários para fazer o modelo de negócio funcionar. Nesse bloco, descreva quais são os recursos principais para se realizar as atividades-chave. Tais como recursos físicos, humanos, intelectuais e financeiros.

 

7. PARCERIAS PRINCIPAIS

Esse bloco descreve a rede de parceiros e distribuidores que tornarão seu modelo comercial um sucesso, assim como as alianças estratégicas que podem ser realizadas com outras empresas. Quais são as atividades-chave realizadas de forma terceirizada e os recursos principais adquiridos fora da empresa.

 

8. FONTES DE RECEITAS

As fontes de receita se referem as formas de se obter receitas através da proposta de valor do negócio, ou seja, as possíveis fontes de renda disponíveis. É importante levar em considerações questões como, que valor os consumidores estão realmente dispostos a pagar e quanto cada fonte de receita contribui para as receitas totais.

 

9. ESTRUTURA DE CUSTOS

Os elementos do modelo de negócio resultam em uma estrutura de custos. Nesse bloco, deve se descrever quais são os custos existentes para que o modelo de negócio possa funcionar. Deve se analisar quais são os custos mais importantes inerentes ao modelo de negócio e quais recursos-chave são mais caros, assim como se há formas de realizar reduções nos custos levantados.   Após realizar o preenchimento do Canvas, é possível notar que diversas das questões levantadas para os blocos apresentam uma interligação entre si, uma vez que a maioria dos aspectos de um modelo de negócio precisam trabalhar em conjunto para funcionar adequadamente. É importante que seu planejamento seja sempre revisado de tempos em tempos, para se manter atualizado, uma vez que cada negócio é um processo contínuo passando por mudanças.



				

3 RAZÕES PARA POSSUIR UMA MARCA BEM PLANEJADA

 

Ter uma marca que represente seu negócio de forma coerente, que faça com que seus clientes admirem e queiram vivenciar a experiência de comprar seus produtos e serviços, e prospere seu empreendimento, é possível através de um planejamento de marca adequado e que seja e alinhado aos princípios do seu negócio.

Confira abaixo três razões para você possuir uma marca dessa forma, estruturada e bem planejada.

 

 1. PRIMEIRAS IMPRESSÕES MARCAM

As primeiras impressões são decisivas nos negócios. A imagem transmitida pela sua marca é crucial desde os primeiros contatos, as primeiras impressões criadas são responsáveis pela percepção que sua audiência irá possuir sobre sua empresa.

Sua marca geralmente fala por você, através dela o seu negócio está constantemente enviando mensagens para o seu público-alvo e exibindo algum tipo de primeira impressão ao transmitir os valores do seu empreendimento. E é por isso que a marca do seu negócio é extremamente importante para se conectar de forma coerente com sua audiência.

Estabelecer uma primeira impressão positiva e duradoura é um dos principais motivos para se possuir uma marca bem planejada, que retrate com precisão a mensagem que se deseja transmitir aos potenciais clientes.

 

2. CREDIBILIDADE

A confiança gerada pela credibilidade é essencial para realizar vendas, conquistar clientes e crescer o engajamento com seu público-alvo. Embora existam diversas formas de estabelecer credibilidade diante sua audiência, o branding é um dos meios mais práticos e eficazes.

Uma marca bem planejada pode ajudá-lo a parecer mais profissional e confiável, assim como expressar maior qualidade e sofisticação para seus produtos e serviços ofertados. Através de um bom design alinhado ao planejamento estratégico do seu negócio, é possível transmitir os valores reais do seu empreendimento, criando uma marca que apresente o diferencial que seu negócio possui em relação aos demais existentes no mercado.

 

3. DIFERENCIAÇÃO

Diante de tantos negócios existentes atualmente dentro dos mais variados segmentos de atuação, conseguir se destacar e se diferenciar nesse mercado competitivo vem se tornando uma tarefa cada vez mais complexa a ser realizada.

Porém, uma marca forte e coesa, tem a capacidade de separar o seu negócio e diferenciá-lo de tudo o que já existe. Através de um planejamento de marca eficaz, podemos alinhar os conceitos do design a serem aplicados à identidade visual do seu negócio, em relação às preferências e personalidades da sua audiência, criando uma relação mais efetiva entre seus produtos e serviços com seus potenciais consumidores.

Desse modo, ao planejar uma marca, se torna imprescindível levar em consideração os objetivos e as características principais do negócio, que são necessárias para se expressar o diferencial existente em relação aos demais concorrentes, e atingir os resultados desejados.

Olá, sou Amanda Dupin, engenheira de produção, e empreendedora. Trabalho com o propósito de ajudar e inspirar mulheres empreendedoras a prosperarem e diferenciarem seus negócios através de um posicionamento estratégico de marca. Acredito que não há nada mais gratificante do que fazer o que se ama, empreender com afeto!

pesquisar

 © 2018 Afeto Design – Todos os direiros reservados.